Dono do Hotel Santa Teresa terá de se explicar à Justiça Criminal

28 12 2009

O Jornal do Brasil bem que tentou ouvir a versão do Sr. François Delort sobre o absurdo processo que moveu em nome do Hotel Santa Teresa e do Restaurante Terèze contra moradores do bairro. Ocorre que, contra os fatos – principalmente os absurdos – não há defesa; então ao invés de defender o indefensável, o monsieur preferiu atacar: acusou os moradores de Xenófobos e Extremistas.

Como se sabe, Xenofobia é crime semelhante a racismo , previsto em Lei Federal, ao passo que Extremismo é uma classificação pejorativa, normalmente feita com o objetivo de ofender gratuitamente e desqualificar as pessoas. Portanto, dirigir essas acusações a pessoas respeitáveis em suas profissões, com histórico pessoal e profissional limpo e com um nome a zelar, ao menos em tese, configura crime de calúnia e difamação.

Uma das vítimas do processo movido pelo hoteleiro já se adiantou às demais e resolveu procurar a Justiça em defesa de sua honra, ajuizando uma interpelação criminal em face do hoteleiro.

Processo No 0312238-58.2009.8.19.0001

26ª Vara Criminal

Av. Erasmo Braga 115 L II sala 710

Assunto: Difamação (Art. 139 – CP)

Interpelante XXXXXXXXXXXXX

Interpelado FRANÇOIS DELORT

Tipo do Movimento: Despacho – Outros despachos Data Despacho: 18/12/2009 Despacho: INTIME-SE O INTERPELADO PARA PRESTAR AS EXPLICAÇÕES EM 10 DIAS

Tipo do Movimento: Conclusão ao Juiz Data da conclusão: 30/11/2009 Juiz: JOEL PEREIRA DOS SANTOS

Tipo do Movimento: Remessa Destinatário: Ministério Público Data da remessa: 26/11/2009 Prazo: 15 dia(s) Descricão da remessa: PELA INTIMAÇÃO DO INTERPELADO PARA, EM QUERENDO , APRESENTAR SUAS EXPLICAÇÕES EM JUÍZO .

Anúncios

Ações

Informação

7 responses

9 12 2011
maryann

trash total

17 07 2010
hesspartacus

A prostitução deve ser legalizada e regulamentada.

Isso poderia gerar receitas fiscais enormes para o município, que poderá então dar uma contribuição ainda maior para melhorias no bairro.

Na melhor tradição libertária, eu não quero que o barulho seja proibido.

A única coisa que quero proibir é a proibição das coisas.

7 06 2010
hesspartacus

Este processo é bastante interessante.

Quando vocês pretendem entrar na justiça contra o dono do Morro da Coroa para a tortura semanal do baile funk? Ou contra os organizadores do Carnaval para as noites insones que temos de suportar todos os anos? Ou contra os blocos para o comportamento de bêbado, às vezes agressivo, de muintos participantes?

Desculpem, mas o barulho faz parte da vida urbana. Ou tem de proibir todas as fontes, ou nenhuma delas.

O Hotel Santa Teresa trouxe emprego, renda e segurança para o bairro, e é uma grande melhoria sobre a cicatriz semi-demolida que era antes da chegada do M. Delort.

8 06 2010
Caçador de Fraudes

1) VOCÊS QUEM?
2) QUEM ENTENDE DE ENTRAR NA JUSTIÇA É O DONO DA ESPELUNCA;
3) BAILE FUNK NA COROA=PROBLEMA SOCIAL
4) CARNAVAL E BÊBADOS=EVENTO ISOLADO. TEMOS ESCOLHA. PODEMOS FAZER UM RETIRO ATÉ ACABAR.
5) EMPREGO E RENDA: PARA UM PEQUENO NÚMERO DE FUNCIONÁRIOS, NÃO SUPERIOR À QUANTIDADE DE GENTE PREJUDICADA PELA ESPELUNCA-CHIC;
6) SEGURANÇA: AH, SIM, O BAIRRO AGORA PARECE A SUIÇA EM TERMOS DE SEGURANÇA PÚBLICA… ACORDA, MEU IRMÃO! ESTAMOS NA MERDA, E O HOTEL NÃO TROUXE NADA DE POSITIVO ALÉM DE FLANELINHAS COM PASSAGENS PELA POLÍCIA. SE FOSSE TÃO SEGURO, O HOTEL VIVERIA LOTADO, MAS NÃO É ISSO QUE ACONTECE, AS DIFICULDADES FINANCEIRAS DAQUELA BUDEGA SÃO NOTÓRIAS.

17 07 2010
hesspartacus

1. Vocês. Você está agindo sozinho?
2. É assim que a justiça funciona, ou deve funcionar.
3. Problema social que não é abordada por covardia e falta de vontade política. Você está afirmando que este é um problema do governo? Não devemos assumir a responsabilidade por nossas próprias vidas?
4. Concordo, mas a pressão para se conformar significa que a questão nunca é discutida, muito menos resolvida.
5. Emprego é emprego, que não existia antes. Emprego e desenvolvimento podem prejudicar as pessoas. É assim que o mundo gira.
6. Só em nossos sonhos existe a possibilidade de qualquer bairro do Rio se tornar como a Suíça. Mantenho, porém, minha posição de que o afluxo de turistas melhorou bastante o policiamento e a segurança.

17 07 2010
raphael

Concordo com o Hesspartacus. Todas as fontes devem ser proibidas. E são. Vá se informar antes de falar besteira.

Além disso, querido, prostíbulos também trazem renda e emprego. São melhorias na sua opinião?

17 07 2010
hesspartacus

Veja minha resposta acima.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: